BRASILEIRO DE ENDURO FIM

Foto
Crédito: Janjão Santiago

Em ano de estreia, Thales Vilardi termina entre os 15 melhores pilotos de Enduro do Brasileiro e Crispy foi Top 10

Um dos destaques na etapa final do Campeonato Brasileiro de Enduro, realizada de sexta a domingo (13 a 15) em Patrocínio/MG, foi o paulista Thales Vilardi, que andou muito, superou em algumas especiais grandes nomes do esporte e finalizou a etapa em quarto lugar, na categoria E1 e sexto no Campeonato, na mesma categoria, além de ter ficado em terceiro no domingo.

Foi a primeira temporada de Thales no Enduro, em todas as 14 etapas com uma KTM 250 EXC-F. Ele, que tem carreira consagrada no Motocross, terminou o Campeonato em décimo quinto lugar na Enduro GP, categoria que engloba todas as classes profissionais. O piloto paulista veio numa crescente na competição e mostra que ano que vem poder estar entre os ponteiros.

Já Crispy Arriegada, argentino, fez sua primeira temporada no Brasileiro com uma KTM 500 EXC-F que só conheceu aqui. Acostumado ao frio de Bariloche, sua terra natal, ele mostrou simpatia, competência e resistência para enfrentar o forte calor, principalmente das duas últimas etapas em Minas Gerais, Paraopeba e Patrocínio.

Crispy terminou a etapa em segundo lugar na categoria E3, sendo terceiro no Campeonato. O hermano ainda foi nono na Enduro GP, figurando entre os Top 10, além de ser o quinto na etapa. Sem duvidas, o campeonato pode ser considerado o mais difícil na história do Enduro FIM no Brasil.

A Equipe Orange BH KTM Racing utiliza pneus Kenda, equipamentos ASW e capacetes Airoh, que são os patrocinadores principais e a W-Tech, Durag, Circuit, Motul, TCX, MrPró, Exceed e Alex Design são fornecedores oficiais.

foto

Autor:Imprensa CBE

Comentários :0

Deixe seu comentário